Please reload

Fiz Daqui o Meu Lugar

Na exposição individual Fiz daqui o meu lugar, vê-se reunido na galeria Verve um supreendente conjunto com vinte e cinco trabalhos da artista paulista Angella Conte. São colagens, esculturas, objeto e uma instalação de vídeo. Entre os trabalhos da artista, a seleção para a mostra circunscreveu um período iniciado na década de 2000, chegando até os dias de hoje. A partir da investigação de materiais e imagens ao longo de seu processo de produção artística, Angella Conte reedita peças de arquivo e registros de memória com a habilidade de quem nos convida a perceber seu mundo de inspirações e referências. É notório que diversas de suas obras exibam anotações visuais e apontamentos acerca das relações sociais que estabelece artisticamente em contato com a paisagem natural e urbana que a cercam. 

Como se estivéssemos prestes a ingressar em um espaço propício para o aprendizado de regras de um novo jogo baseado em múltiplas possibilidades e combinações temporais, tais narrativas em tom pessoal são compartilhadas como intuições e vivências. São comentários a respeito das mudanças das estações do ano, dos diferentes tipos de vegetação e geografia, dilemas provenientes da subjetividade da vida e histórias repletas de residuais simbólicos para além do cotidiano coletivo. 

Com Fiz daqui o meu lugar, Angella Conte consegue dilatar a noção do que verdadeiramente importa: não perdemos o que amamos pela passagem do tempo; mas sob efeito elástico, é deixado transparecer um sentido ilusório de que as coisas, os momentos e os seres possam ser nossos para todo o sempre.  

 

Marcio Harum